Terça, 23 de Julho de 2024
49 99111-4949
Economia Economia

Resultados de gestão do Estado são apresentados em evento com lideranças empresariais em Joinville

Representando o governador Jorginho Mello na posse da nova diretoria da Acij, secretário Cleverson Siewert (Fazenda) destacou economia de cerca de ...

25/06/2024 18h09
Por: Redação VejaSC Fonte: Secom SC
Foto: Reprodução/Secom SC
Foto: Reprodução/Secom SC

Representando o governador Jorginho Mello na posse da nova diretoria da Acij, secretário Cleverson Siewert (Fazenda) destacou economia de cerca de R$ 1 bilhão nas despesas públicas durante2023– Fotos: Carlos Junior e André Kopsch

Os avanços promovidos pelo modelo de gestão do governador Jorginho Mello, os programas estruturantes colocados em prática e as medidas rigorosas de controle de gastos na reorganização das finanças estaduais ganharam as atenções de lideranças industriais e políticas de todo o Estado nesta segunda-feira, 24, em Joinville.

Convidado a representar o governador na solenidade de posse da gestão 2024/2025 da Associação Empresarial de Joinville (Acij), o secretário Cleverson Siewert (Fazenda) reafirmou os propósitos do Governo do Estado: dialogar com o setor produtivo, estabelecer parcerias e garantir novos saltos de crescimento para Santa Catarina, com responsabilidade fiscal e ações de incentivo à geração de emprego e renda. O empresário Guilherme Bertani tomou posse na presidência da entidade no lugar da também empresária Margi Loyola.

Em seu discurso, o secretário lembrou que a atual gestão assumiu o Governo com uma projeção de déficit de quase R$ 3 bilhões, mas transformou desafios em oportunidades para reequilibrar o caixa do Estado. As ações definidas e executadas a partir do Plano de Ajuste Fiscal (Pafisc), destacou Siewert, garantiram a aprovação das contas de 2023 por unanimidade pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE/SC).

“Após um ano de muito trabalho, dedicação e decisões duras, entregamos um balanço ao Tribunal de Contas aprovado por unanimidade. Foi a primeira vez, em duas décadas, que o Estado reduziu suas despesas de um ano para o outro”, anunciou.

Percentualmente, o Governo do Estado baixou as despesas em 2,7% no ano passado, o que representa R$ 1 bilhão em economia. Para efeito de comparação, o mesmo indicador cresceu 22% em 2021 e 30% em 2022. Mas uma administração responsável não se faz apenas com medidas de contenção de gastos e ajuste fiscal, reforçou o secretário. Com exemplos concretos, como os programas Estrada Boa, Universidade Gratuita e o mutirão de cirurgias eletivas, Siewert demonstrou a importância de se direcionar os recursos em obras e programas estruturantes.

Foto: Reprodução/Secom SC
Foto: Reprodução/Secom SC

O projeto de alargamento e aprofundamento da Baía da Babitonga, apontou, é outro exemplo de infraestrutura disruptiva, que vai atrair navios maiores e em maior número para a região — os projetos para o complexo portuário somam R$ 15 bilhões em investimentos privados e vão gerar mais de 40 mil empregos. “Precisamos pensar e investir em obras estruturantes, capazes de atrair e construir novas matrizes econômicas em Santa Catarina”, manifestou.

Entre outros recados ao setor produtivo, o secretário Cleverson Siewert reforçou o compromisso assumido pelo governador Jorginho Mello de não aumentar impostos, na contramão da maioria dos demais Estados do País que optaram por aumentar a carga tributária. Também lembrou que, historicamente, Santa Catarina é o 5º Estado que mais envia recursos para Brasília, mas é apenas o 24º em volume de recursos recebidos. Assim, 95% das receitas estaduais são próprias — uma condição favorecida por medidas de responsabilidade fiscal e inteligência tributária.

Siewert enalteceu o papel institucional da Acij e cumprimentou a empresária Margi Loyola pelo êxito durante seu período de gestão, além de desejar sucesso e novas realizações ao novo presidente, Guilherme Bertani.

A solenidade teve a participação de mais de 600 lideranças empresariais e políticas – entre elas o prefeito de Joinville, Adriano Silva; a vice-prefeita Rejane Gambin; o presidente da Facisc, Elson Otto; o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar; além de deputados, vereadores, secretários municipais, comandantes militares, entre outras autoridades da região.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA
Rosane Felthaus (48) 3665-2504
Roelton Maciel (48) 3665-2504
[email protected]

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Quilombo, SC
Atualizado às 16h05
27°
Tempo nublado

Mín. Máx. 23°

29° Sensação
0.81 km/h Vento
68% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (24/07)

Mín. 10° Máx. 23°

Tempo nublado
Amanhã (25/07)

Mín. 12° Máx. 25°

Tempo limpo
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias